Imprimir

Imprimir Notícia

09 Dez 2019 - 08:15

Suplente com 2 anos de mandato

Derrotado à reeleição em 2016, Adilson da Levante (foto) reassumiu cadeira de vereador pela Capital desde janeiro deste ano e deve prosseguir no cargo até o final do mandato, em dezembro de 2020. É que o titular Gilberto Figueiredo, que se elegeu pelo PSB e vai migrar para o DEM, se afastou do Legislativo para comandar a secretaria estadual de Saúde e dela só pretende sair para disputar a Prefeitura de Cuiabá. Se perder, retorna ao 1º escalação do Governo Mauro. Como Gilberto está decidido não mais reassumir a cadeira na Câmara e nem tentar outro mandato no Legislativo, Levante se vê contemplado com a vaga.
 
 Imprimir